Lesão Alça de Balde do Menisco: quando ela é grave?

Lesão Alça de Bode

Quando se trata de problemas de estrutura do joelho, a lesão Alça de Balde corresponde a 10% das causas, e as razões para que ocorra podem se dar por vários motivos.

Nesse caso em específico, as extremidades do menisco estão fixas, mas a parte central não. É justamente daí que vem o nome, por conta da semelhança com a alça de balde.

Neste artigo vou falar um pouco mais sobre a lesão alça de balde do menisco, como ela ocorre, quando ela é grave e quais os principais tipos de tratamento. Boa leitura!

O que é a lesão Alça de Balde do Menisco?

A lesão “Alça de Balde” do menisco é um tipo específico de ruptura meniscal. O menisco medial tem a forma de “U” e cobre 60% do lado interno, ao passo que o menisco lateral possui a forma de um C, cobrindo 80% da parte externa.

Numa lesão Alça de Balde, o menisco se rasga de tal forma que uma parte se desloca para o centro da articulação do joelho, lembrando a forma de uma alça de balde.

Este tipo de lesão é mais frequentemente causada por um movimento de torção quando o joelho está parcialmente dobrado, como durante esportes ou atividades físicas.

Vale destacar que as lesões no menisco são muito comuns, uma vez que acontecem em uma proporção de 66 casos em 100 mil pessoas.

Os sintomas incluem dor no joelho, inchaço, dificuldade em mover o joelho e, em alguns casos, um bloqueio articular, onde o joelho fica preso em uma posição e não consegue se movimentar completamente.

Como a lesão Alça de Balde ocorre?

A lesão Alça de Balde ocorre geralmente devido a um movimento de torção do joelho enquanto o peso do corpo está sobre ele.

Este tipo de lesão é comum em atividades que envolvem mudanças rápidas de direção, paradas súbitas, ou impactos diretos, como em esportes como futebol, basquete, ou esqui. 

Quando o joelho se torce sob pressão, o menisco pode rasgar de forma que uma parte dele se desloca para dentro da articulação, criando a aparência de uma alça de balde.

Este movimento anormal pode acontecer quando o joelho está parcialmente dobrado, como durante a corrida ou ao aterrissar de um salto, e é frequentemente acompanhado por um estalo perceptível ou sensação de ruptura no joelho.

Quer saber quais são as principais cirurgias que podem ser realizadas no joelho? Então confira esse vídeo:

 

Quando a lesão Alça de Balde é grave?

A gravidade é determinada pelo tipo e extensão da ruptura. As lesões de menisco são classificadas em diferentes tipos, incluindo longitudinais, oblíquas, verticais e de cima para baixo, e cada uma pode variar em gravidade.

Rupturas Longitudinais

Estas ocorrem ao longo do comprimento do menisco, onde a separação se estende desde a parte interna até a borda externa.

Esta lesão é grave pois pode levar a um deslocamento significativo do tecido meniscal, causando dor intensa, bloqueio do movimento do joelho e potencialmente mais danos à articulação se não tratada.

Rupturas Oblíquas (em Flap)

Estas são menos prováveis de se transformarem em lesões Alça de Balde, mas podem ser graves se forem grandes ou mal localizadas. Elas ocorrem em um ângulo no menisco e podem causar instabilidade e desconforto no joelho.

Rupturas Verticais

Também conhecidas como rupturas radiais, estas começam na parte mais interna do menisco e se movem em direção à borda externa.

Uma ruptura vertical grande pode se tornar uma lesão Alça de Balde caso se estenda por todo o menisco. Estas lesões podem ser graves, especialmente se afetarem a estabilidade do joelho.

De Cima para Baixo (Rupturas Horizontais)

Estas ocorrem horizontalmente e são menos propensas a criar uma lesão em Alça de Balde. No entanto, podem ser problemáticas se forem grandes e afetarem significativamente a integridade do menisco.

Em termos de comorbidades, lesões em Alça de Balde são frequentemente consideradas graves devido ao risco de bloqueio articular e ao potencial de danificar outras estruturas do joelho se não tratadas adequadamente.

Quais são os tipos de tratamento?

Os tratamentos variam conforme a gravidade da lesão, a idade do paciente, o nível de atividade física e os objetivos individuais, podendo ser conservadores ou cirúrgicos.

Tratamento conservador

Indicado para lesões menos graves ou em pacientes que podem não ser candidatos à cirurgia devido a outras condições de saúde. Inclui:

  • repouso: evitar atividades que agravam a dor ou o inchaço;
  • gelo: aplicar gelo para reduzir o inchaço e a dor;
  • compressão: uso de bandagens para imobilizar e suportar o joelho;
  • elevação: manter o joelho elevado para diminuir o inchaço;
  • medicação: anti-inflamatórios não esteroides (AINEs) para reduzir a dor e o inchaço;
  • fisioterapia: exercícios para fortalecer os músculos ao redor do joelho e melhorar a amplitude de movimento.

Tratamento cirúrgico

Recomendado para lesões mais graves, especialmente se há bloqueio articular (o joelho fica travado), ou se o tratamento conservador não resolver os sintomas. Existem diferentes procedimentos cirúrgicos, incluindo:

  • Reparo Meniscal: cirurgia para suturar o menisco rasgado. É mais eficaz em jovens e em rasgos nas bordas externas do menisco, onde a circulação sanguínea é melhor;
  • Meniscectomia: remoção da parte danificada do menisco. É uma cirurgia mais comum, mas pode aumentar o risco de desenvolver artrite no joelho a longo prazo;
  • Transplante de Menisco: em casos raros e severos, pode-se transplantar um menisco de um doador.

A escolha do tratamento depende da avaliação médica detalhada, que considera a extensão da lesão, a saúde geral do paciente, e o impacto da lesão nas atividades diárias do indivíduo.

Portanto, se você está com uma lesão alça de balde, entre em contato comigo, Dr. Leandro Calil. Terei um imenso prazer em avaliar o seu caso e propor a melhor solução!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outros posts

Congresso Anual SBOT - Participação do Dr. Leandro Calil em 2023

Congresso Anual SBOT – Participação do Dr. Leandro Calil em 2023

A Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOT) é conhecida por sediar um dos eventos mais importantes da área médica no Brasil: seu congresso anual.  No cenário de constante evolução da ciência ortopédica, cada edição traz uma riqueza de conhecimento e inovação. Entre os ilustres participantes, destacou-se o Dr. Leandro Calil. Sua presença e contribuição

Leia mais »
Estalo no Joelho pode ser Lesão de Menisco? Descubra nesse post!

Estalo no Joelho pode ser Lesão de Menisco? Descubra nesse post!

O estalo no joelho é uma ocorrência comum e muitas vezes pode ser um sintoma de uma lesão de menisco. Vale destacar que o menisco é uma estrutura essencial para a estabilidade e função adequada do joelho.  Neste artigo, vou mostrar o que é uma lesão de menisco, seus sintomas, causas, diagnóstico, tratamento e fornecer

Leia mais »
Rolar para cima